Imposto de Renda 2022: Teste de COVID pode ser deduzido

Que as despesas médicas podem ser descontadas na declaração do Imposto de Renda, o brasileiro já sabe – basta ter os recibos e notas fiscais que comprovem os gastos, nos quais devem ser incluídos o nome da clínica ou do profissional, seguido de CNPJ ou CPF, descrição da consulta ou tratamento e assinatura e carimbo com número do conselho profissional.


O que você talvez não saiba é que, neste ano, a inclusão de despesas geradas com testes de COVID-19 também serão aceitas, desde que estes sejam feitos em clínicas ou hospitais: é preciso que o exame tenha sido realizado em locais que emitam nota fiscal com CNPJ e nome do laboratório. Se for feito em uma farmácia, por exemplo, mas não encaminhado para um laboratório que possa emitir um recibo que associe o exame realizado à despesa, o teste não poderá ser incluído no IR.


Incluir as despesas médicas na hora de declarar é bastante fácil, para isso:

1. Acesse o campo “Ficha de Pagamentos Efetuados”;

2. Selecione a opção “Laboratórios, hospitais e clínicas”;

3. Lance no imposto.


Simples e descomplicado. Essa é mais uma novidade que a Receita Federal trouxe na declaração do Imposto de Renda 2022.